terça-feira, 4 de maio de 2010

BTT Brancelhe - Na conquista da Mina dos Carris!

Resumo da Volta:

Distância: 43,81 km
Partida: 9h
Chegada: 18h
Percurso: 50% Trilho... degradado e 50% estrada!
Tempo a pedalar: 4,29,53 h
Velocidade Média: 9,7 km/h
Velocidade Máxima: 57,1 km/h
Altitude da partida: 380 m
Altitude máxima: 1468 m
Juizo: 0%
Maluqueira: 100%
BTT Brancelhe: Nando, Manel e Rui!

Pronto... por incrivel que pareça estão 3 "cabras" dentro do carro...

... e agora já estavam fora e a ser preparadas para o inicio da aventura!

A partida da Vila do Gerês!

Os três aventureiros no inicio da Mata de Albergaria!

Agora no meio dessa mata e de um verde super intenso!

Inicio da subida pelo trilho que dá acesso à Mina dos Carris!

Mas como podem verificar... muitas vezes teve-se que empurrar as "cabras"...

... ou mesmo carregá-las às costas!

Mas também havia momentos que dava pra pedalar...

... e depois parava-se novamente...

... pra ver "piscinas" naturais absolutamente deslumbrantes...

... e também pra reforçar o estômago!

Esta "pequena" cascata na rocha no inverno deve ser algo fantástico!

Mais uma... apetecia dar um mergulho!

Até os animais não estão habituados aos Humanos e deixam-se fotografar na boa!

Mais um momento a pé...

e um ligeiro descanço pra tirar mais uma foto e...

...visualizar a paisagem que estava nas nossas costas e iamos deixando para trás!
E já estavamos a 1077 metros de altitude!

Um dia tenho que ver aquela cascata ao fundo da foto durante o inverno!

Mais uma e reparem...

... no que estava nas nossas costas! A Encosta do Sol!
Lamento a foto não conseguir reproduzir realmente o que os nossos olhos visualizaram!
Paramos nesta "avenida" pra fazer o lanche da meio da manhã!

Aleluia! A partir daqui, embora com alguma dificuldade, dava pra pedalar...

Passagem num planalto da Serra... estavamos a 1316 metros de altitude!

O Manel no meio da imensidão do planalto!
E o Rui... um pouco mais à frente!

Inicio da última e dura subida antes...

... da chegada ao objectivo... Ruínas nas Minas dos Carris!

Mais uma parte dessas ruínas!

Mal chegamos... apoderamo-nos de cada nossa "habitação"...

De seguida hasteamos a nossa fantástica jersey...

Os aventureiros com o Circo Glaciar da Ribeira dos Negros ao fundo!
Por trás de nós é um precipício com "alguns" metros de profundidade!
Garanto-vos que a foto por muito boa que fosse não retrata realmente o que se vê...!!!

Os mesmos "artistas"... ;) com algumas das ruínas ao fundo!
Nesta foto consegue-se ver o Talefe lá ao fuuuunnnndddooo! ;)

Numa entrada das galerias da mina!

No "edificio" da Lavaria das Minas e com o Vale do Corgo da Lamalonga ao fundo!
Mais uma foto que... vale o que vale!!! ;)

E agora... na louca, dura, desgastante e cansativa descida!

E ao fim de 1.20h de "apenas" 10 km de descida... chegamos! Ufa!
Pronto já se podia avisar os familiares que tudo tinha decorrido muito bem!!
Claro está que ainda houve a descida para o Gerês e...
...umas belas sandes de presunto junto às pontes para terminar em grande! ;)

3 comentários:

NUNO JOSE disse...

Passeio, duro como sempre, mas que pelas fotos deve ter sido espectacular, só vem aumentar a minha azia (devido à imposição da paragem), mas com mais vontade ainda, se possível, de regressar à minha cabra (se ela ainda me conhecer) e pedalar na companhia de todo o grupo bttbrancelhe.
As duas fotos, a da “habitação” e a seguinte, estão simplesmente gloriosas, representando todo o sacrifício/prazer de conquistar/alcançar o objectivo, só ao alcance dos predestinados.
Quanto às fotos da natureza, não há palavras.
Obrigado

Anónimo disse...

Lindooooooooo e durissimooooo com certeza, mas só pelas belas paisagens e o ar puro vale a pena.

CISTERBTT OS MONGES DA BICICLETA disse...

grande volta esta. já há imenso tempo que ando para fazer esta volta. podiam dar-me as directrizes que tomaram? foram e voltaram pelo mesmo caminho?

um abraço a todos

Tony Soares o Cister Monge